sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Mega estrutura promete garantir o sucesso na 24ª edição do Piocerá

Depois de cerca de dez meses de trabalho árduo, está tudo pronto para a realização da prova de regularidade mais famosa do Nordeste e a maior da América Latina. A 24ª edição do Piocerá está batendo à porta e para garantir o sucesso desse mega evento, que reúne cerca de mil pessoas, entre organização, competidores, apoio e imprensa, a é necessária muita estrutura e preparação para atender satisfatoriamente os mais de 550 inscritos, até o momento. Afinal, nada pode sair errado.

 Todo o esforço é para garantir que os competidores realizem uma prova tranquila e segura, durante sete dias de evento, sendo quatro dias de pura adrenalina para os competidores. Os detalhes foram pensados e acertados para todos os momentos da prova. Em caso de uma emergência, por exemplo, cada uma das equipes estão preparadas para garantir agilidade no atendimento. São 120 pessoas trabalhando na organização do evento.
 
 
Somente a equipe médica está composta de quatro médicos traumatologistas, auxiliados por cinco paramédicos e dois enfermeiros. São duas ambulâncias UTI, que já estão prontas commaterial para atendimento pré-hospitalar e realização de pequenas cirurgias, se for o caso, no local ou no hospital de referência da região.

E não pára por aí. Técnicos de informática, jornalistas, cenógrafos, assessoria de comunicação, motoristas, equipe médica, equipes de apoio, secretaria de prova, apuração, diretorias geral e técnica, além dos coordenadores de prova integram o quadro de pessoas envolvidas na realização do Piocerá 2011. Todo esse pessoal utilizará uma parafernália de material para a realização do evento, como computadores, cabos, placas, pódio, troféus, infláveis, dezenas de quits de primeiros socorros, kits de competidores e muito mais.

Para se deslocaram em um percurso de sete dias, com mais de 1.400 quilômetros, a organização utilizará 18 carros 4x4, dois carros 4x2, sete motos, duas Vans e dois caminhões. A diretora executiva do Piocerá, Flávia Moreira, disse que conta com uma equipe afinada e que pelos anos de experiência consegue manter tantas pessoas no máximo de sintonia possível. “Passamos meses planejando, discutindo e queimando etapas para que, no final, tudo isso aconteça. No evento, trabalhamos em média 18 horas por dia, mas é recompensador realizar este evento que aquece a economia das cidades, gera entretenimento e divulga e incentiva o crescimento de vários esportes do meio off-road”, destacou.

O Rally Piocerá 2011 acontece nos dias 23 a 29 de janeiro, entre os estados do Piauí, Maranhão e Ceará. Realização: Radical Produções. Patrocínio: Honda, Governo do Estado do Ceará. Co-patrocínio: Governo do Estado do Piauí e Prefeitura Municipal de Teresina; Apoio: Wolksvagem-Amarok, Houston; Colaboração: Sebrae, Associação Empresarial de Barreirinhas-MA, Prefeitura Municipal de Parnaíba, Prefeitura Municipal de Ubajara – CE, Prefeitura Municipal de Jijoca de Jericoacoara - CE, Prefeitura Municipal de Granja – CE, Prefeitura Municipal de União - PI, Prefeitura Municipal de Brejo - MA, Prefeitura Municipal de Araioses - MA, Prefeitura Municipal de Tutóia – MA e Prefeitura Municipal de Paulino Neves – MA. Supervisão: CBA, CBM, Fed. de Motociclismo do Piauí – FMP, Fed.Maranhense de Motociclismo – FMMA, Fed. de Motociclismo do Ceará – FMC, Fed. Cearense de Automobilismo – FCA, Fed. de Automobilismo do Estado do Maranhão – FAEM, Fed. de Ciclismo do Piauí - FCICLOPI, Federação de Ciclismo do Ceará – FCC. Parceiros: ASW, Pag Contas, Webventure, Revista da Moto, Revista Pedal, Blogy Motor.

Ângela Bispo - Aldeia.Com
www.piocera.com.br 

Nenhum comentário:

Postar um comentário