segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Brasil deverá ser sede do Dacar em 2012 e Rio abrigará largada, diz site

O Brasil poderá em breve confirmar sua posição de referência no esporte off-road mundial. A organizadora do Rali Dacar, a ASO (Amaury Sport Organisation, em francês), planeja mudar a sede do maior rali do mundo. Desde 2009 a prova é disputada entre Argentina e Chile, com largada e chegada sempre ocorrendo em Buenos Aires.

No entanto, segundo o site portenho ‘Corsa On Line’, o Rio de Janeiro poderá abrigar o início da disputa a partir de 2012. De acordo com a publicação, o Peru e a Bolívia também devem compor o trajeto, e os organizadores já tem tratativas avançadas com os dois países. Já a capital argentina poderá permanecer como local do encerramento do rali.

A ASO não planeja, pelo menos por enquanto, voltar a sediar o Dacar em solo africano, ainda por conta da falta de segurança, o que resultou no cancelamento da edição de 2008. A intenção dos organizadores em trazer a lendária prova para o Brasil é financeira. Há uma necessidade de se conseguir apoio financeiro maior do que é oferecido na Argentina e no Chile. Atraída pela evolução econômica tupiniquim, a organização francesa visa atrair o interesse do governo nacional, e também do capital privado, para injetar mais dinheiro na competição.

Dessa forma, o Rio de Janeiro deve assumir o posto de sede inicial do Dacar, em substituição a Buenos Aires. Uma vez que a ASO tem boa relação com as autoridades bonaerenses, a Argentina deverá permanecer no trajeto da competição. A publicação cita até a logística como razão para fortalecer a cidade portenha como sede final do rali. Os veículos que disputam a prova devem desembarcar no porto do Rio, e o caminho de volta deverá ser feito a partir do porto de Zárate, na região metropolitana da capital argentina.

Questionado pela publicação sobre o assunto, o Ministro do Turismo da Argentina, Enrique Meyer, rejeitou a ideia de ver o país fora da rota do Dacar no futuro e minimizou a possibilidade do Rio de Janeiro abrigar o maior rali do mundo. “Os rumores sempre existirão”, afirmou. “Mas não vejo um Dacar que não passe pela Argentina. Os franceses estão muito entusiasmados com a hospitalidade do nosso país”, acrescentou.

O Dacar de 2011 continuará a ser sediado entre Argentina e Chile e assim como acontece há dois anos, vai cruzar o Deserto do Atacama no mês de janeiro.

-> Siga o @trilhaseenduros no Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário